- Noite em Claro - Martha Medeiros - Resenha






                                                                Título: Noite em Claro
Autor: Martha Medeiros
Editora: L&pm
Páginas: 64



Sinopse: Na solidão do seu apartamento, uma mulher escreve sobre a sua história numa noite de insônia. Uma história plena de relacionamentos marcados por frustrações, dor e prazer. Encorajada pelo champanhe, sem nenhuma censura, ela vai contando sua vida enquanto chove lá fora. O livro só terminará com o último pingo de chuva.

 "Quero correr como a chuva a paredes abaixo"

  O livro fala sobre uma mulher que resolve escrever um livro ao decorrer de um tempo chuvoso e nesse tal livro ela fala sobre sua vida, no dia 21 de junho, dia dos namorados e faz 21 anos que ela transou pela  primeira vez, bem inspirador né? hahahahaha, decepções e desavenças amorosas, sem vergonha alguma ela conta detalhes sobre a sua vida sexual e sobre o relacionamento com seu marido que não tem o movimento das pernas e achei bastante interessante a dinâmica do livro com o leitor que faz com que você leia não só pelo fato do livro ser curto mais porque o leitor se envolve com a leitura, que faz desse livro absolutamente divertido.


“A garrafa está seca. Um fim de chuva muito rápido. Silêncio. Os poucos pingos que despencam isolados não caem mais do céu, e sim da canha, os últimos. Três. Dois. Um.”

   O livro traz ao leitor uma satisfação enorme por mais que o livro seja pequeno... 

 Noite em Claro é bem mais que qualquer outro tipo de romance, Noite em Claro é do tipo que te prende pelos personagens ser diferentes e pelas surpresa que ele traz, uma mulher que prefere parecer estar sentindo algo do que sentir. 

   Martha Medeiros com essa historia sem sombra de duvidas entrou para minha lista de melhores autoras, adorei o tipo de escrita e a narração foi surpreendente, nunca imaginei que o livro fosse isso tudo, eu não costumo comprar muitos livros de bolso, mais quando vi a sinopse de Noite em Claro, fiquei fascinado e queria comprar logo, já, recomendo muito, muito mesmo. 

Até o proximo post do blog, tchau!
 
Layout feito por Adália Sá | Não retire os créditos